MENUMENU

ARQUITETURA | 2019

John Lautner:
A funcionalidade agregada
à beleza

  • Tempo de Leitura Aproximada : 7 Minutos

Nascido em 1911, em Michigan, nos Estados Unidos da América, o arquiteto John Edward Lautner ficou marcado pelos trabalhos arrojados com dramática sensibilidade espacial, uma vez que suas obras são marcadas por um estilo futurista. 

 

Vida Catheleen Gallagher, sua mãe, era desenhista de interiores e habilidosa pintora. Tal fato o influenciou a decidir pela carreira de arquiteto. 

 

Desse modo, em 1929 ele se matriculou no programa “Liberal Arts”, na Universidade de Michigan.  Lá ele estudou filosofia, ética, física, literatura, desenho, bem como história da arte e da arquitetura. Se formou em 1933. 

 

Foi neste ano então que ele se aproximou do arquiteto Frank Lloyd Wright, sua grande influência na arquitetura, e que havia lançado seu programa de aprendizes em Taliesin. 

John Lautner - Retrato

“O objetivo da arquitetura é melhorar a vida humana.”

John Lautner

ARQUITETo

Após se aperfeiçoar na área sob a orientação de Frank Lloyd, em 1938 deixou a irmandade para abrir seu próprio escritório. Todavia continuou ligado a Lloyd até que no ano de 1943, quando se juntou ao Structon Company, trabalhando em construções militares durante a guerra. 

 

Sua carreira continuou marcada por grandes parcerias, pois em 1944 desenhou com Samuel Reisbord e Whitney R. Smith. Posteriormente se associou ao escritório de Douglas Honnold até 1947.

 

Dai em diante, o trabalho de Lautner foi em sua maioria projetos residenciais, que aumentavam de tamanho e expressividade conforme ficava mais conhecido. 

 

Apesar de sua morte em 1994, seu trabalho continua sendo destaque, sobretudo após a produção do documentário dirigido por Murray Grigor, Infinite Space: The Architecture of John Lautner, em 2009 (Clique no nome do documentário para acessar vídeo disponível no youtube).

Sobre o que iremos falar neste artigo

VOCÊ PODE SE INTERESSAR TAMBÉM 

Matérias relacionadas

Conheça a história de Ludwig Mies van der Rohe, arquiteto alemão conhecido por suas formas retilíneas trabalhadas com simplicidade e elegância.

Conheça algumas obras do arquiteto Frank Lloyd Wright, criador da arquitetura orgânica, movimento estético nascido que surgiu no século XX.

A vida de Oscar Niemeyer, arquiteto que desafiou a lógica e criou obras com formas leves e estáveis imprimindo inventabilidade na maneira de construir

Conheça a história de Alvar Aalto que foi arquiteto, urbanista e designer de móveis reconhecido mundialmente como um dos principais nomes da arquitetura do século XX.

Arango House
Arango House - Detalhes internos

Qual movimento estético influenciou o arquiteto?

John Lautner é considerado por muitos o precursor do estilo futurista. Corrente da arquitetura que é marcada principalmente pela ruptura com o passado ao buscar novas formas que melhor representaria a modernidade. 

 

Suas formas tendem a elementos da ficção científica ou de naves espaciais, mas sem formar uma escola ou um pensamento específico.

 

Por outro lado, o arquiteto também é responsável por mais de 200 projetos que tornaram esta estética popular, principalmente no sul do estado da Califórnia, onde é considerado patrimônio histórico. 

 

Muitas das suas obras podem ser vistas em filmes e videoclipes, que o tornaram ainda mais famoso entre as celebridades de Los Angeles.

 

A arquitetura orgânica é fortemente identificada nas obras de Lautner. Tal fato se deve em função da influencia que recebeu durante o período de aprendizado com Frank Lloyd Wright. Lloyd o ensinou desde cedo a identificar elementos que contribuem para a beleza e funcionalidade do espaço. 

 

Vale lembrar que a arquitetura orgânica é caracterizada pelo uso das formas geométricas essenciais, como por exemplo, o círculo e o triângulo. 

 

Contudo, apesar da grande influencia que o seu mestre Frank Lloyd Wright, o arquiteto sempre se preocupou em manter uma linha própria em seus projetos. Em outras palavras, ele sempre foi muito purista e valorizava a sua própria filosofia.

Obra Arango House

Como John Lautner desenvolveu seu próprio estilo?

As obras de Lautner são marcadas pelos traços futuristas que ele propôs em meados dos anos de 1950. Elas são caracterizadas pelas curvas e formas que lembram aeronaves, bem como os traços que remetem à arquitetura orgânica. 

 

O cenário perfeito para as obras arquitetônicas com ares futuristas era Los Angeles, pois estava com a economia aquecida no período pós-guerra.

 

Para a execução das obras com uma estética que remetia a aeronaves, era evidente que os materiais construtivos escolhidos pelo arquiteto precisavam remeter a elementos que exploram a tecnologia. Desse modo, ele utilizava vigas de madeira laminada, vigas e coberturas de aço. Fazia isso mesclando com a utilização do concreto armado e concreto protendido. 

O arquiteto também explorava a heterogeneidade das soluções. Ele fazia isso não apenas em seus conceitos gerais, pois cada um de seus projetos trazia soluções únicas. 

 

Elas sempre eram pensadas de maneira a qual explorasse não somente a obra arquitetônica em si e necessidade dos moradores, mas também se preocupava com o entorno, além de criar fluidez entre os espaços interiores e exteriores.

 

Outro ponto que torna a sua arquitetura intrigante, também presente na estética futurista, era incluir elementos naturais nas soluções estruturais robustas. O arquiteto não hesitava ao apoiar robustas paredes de pedra em esbeltas estruturas metálicas, por exemplo.

 

Tudo isso assinalava um visual diferenciado, composto por elementos modernos e naturais ao mesmo tempo, marcando a nova era da arquitetura.

•   A busca pela harmonia entre os opostos 

•   A funcionalidade agregada a beleza

•   A busca da serenidade 


Como a obra de
John Lautner
inspira a senplo

Siga a Senplo nas redes sociais:

Continue Lendo

Explore nossa seção de conteúdo com artigos relacionados a arquitetura, desing, estilo, moda, conceito e muito mais!!